sábado, março 14, 2009

Então… CASAMENTO, anticoncepcionais e inutilidades…

Sumi… mas não foi por morte. É que estou sem internet particular, aí é foda postar… correria danada também…

Ando fazendo uma coisa que vem se mostrando engraçada: dar papo a quem puxa conversa na rua. Não estou falando de alguma mulher tentando me cantar (o que é tão raro quanto ver um bacalhau vivo) ou alguém pedindo informação. É tipo louco puxando assunto, querendo comentar de alguma criança chorando ou do BBB. Antes eu cortava essas pessoas do começo, como se eu nem tivesse ouvindo. Ultimamente tenho fingido que também estou interessado na conversa. E é muito engraçado. Na fila do caixa-rápido do supermecado extra havia um senhor. Com 4 botões da camisa aberto. O cara muito cabelo nos peito… saia da camisa. Tony Ramos é estagiário perto dele. Foi uma conversa legal, sobre um tapa que uma mãe tinha desferido num muleque dentro do Extra. Foi bacana. Eu me mijava de rir por dentro e só respondia: “É mesmo??? Neguinho é foda!!”. Só fiquei meio perdido no final. Eu não sabia como me despedir:

1) Tchau! Até mais nunca?

2) Tchau! Até a próxima?

3) Bjusmeliga?

4) Adorei nossa conversa. Te add no orkut, tá?

5) NDA

Bem… eu fiquei com a 5. Foi até meio estranho… mas foi engraçado…

Bem pessoal, vou ali casar, volto quando possível.

Inté

1 Comments:

At sexta-feira, março 20, 2009 6:16:00 PM, Blogger Tayza Carvalhaes said...

Putz, eu atraio esse tipo de gente. Tanto que quando o meu saco está cheio, mando logo um "Hum? Perdão, eu não escuto direito" após vários "Hã?". As pessoas ficam desconcertadas, é hilário!

 

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home